Como esta o sobrevivente do Globocop a quase 7 dias do acidente no Pina


Como esta o sobrevivente do Globocop a quase 7 dias do acidente no Pina


Quem abrir os olhos nessa segunda-feira (29), no grande Recife. Sabe que a lembrança do acidente no Pina, na pria de Boa Viagem com o Globocop ainda são marcantes. Completando assim 7 dias do acidente trágico com a equipe que fazia a cobertura ao vivo de como estava o Recife na manhã da terça - feira de 23 de Janeiro, sabe que nada será igual.

Do acidente trágico, o piloto Daniel Galvão de 36 anos faleceu no local do acidente, como também a sargento Lia Maria de 35 anos, que estava no helicóptero como convidada morreu a caminho do hospital. Já o único sobrevivente, o operador de imagens, Miguel Brendo segue internado em estado gravíssimo no Hospital da Restauração,  onde foi submetido a cirurgia.

Miguel de 21 anos, segue respirando com ajuda de aparelhos e todos os dias o Hospital da Restauração faz a divulgação do boletim médico, informando quais são as condições do paciente, que segue ainda em estado gravíssimo, o paciente também precisa da colaboração dos pernambucanos, isso porque ele precisa de doação de sangue, podendo ele ser de qualquer tipo, quem for fazer a coleta do sangue deve procurar o posto de coleta do Hospital da Restauração,a informação sobre a doação partiu da irmã de Miguel, através das redes sociais. Em função da causa do acidente, ao longo da semana, será informado as causas reais da queda do Globocop.

A empresa Heliase, era prestadora de serviços para a Globo a cerca de 15 anos, ao longo dessa parceria usou o globocop para transmitir ao vivo algumas imagens, como também fazer a gravação de muitas vinhetas, programas e chamadas da emissora. Miguel Brendo, é enteado de Wagner, que é piloto e um dos sócios da empresa. Miguel era operador de sistemas pela empresa a cerca de 1 ano.

Por:Adely Mariane




Comentario
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...